Estepilha: hélice da lancha dos pilotos avaria pelo caminho…

Rui Marote
Despacho do Estepila: “Embrulha”… É como o azeite: a verdade vai sempre à tona. Não profetizamos, não fazemos agenda dos Portos nem estamos  a perseguir quem quer que seja.
Há quem não aceite a verdade. Alertámos a 14 de Março” Lancha dos Pilotos aguarda peças há mais de 6 meses”. A APRAM não achou piada e a 17 de Março mandou uma resposta, indignada com o Estepilha.
Decorridos 47 dias o Estepilha apenas usa a tradicional expressão:- “Embrulha”…
A lancha dos pilotos Valério de Andrade foi receber o navio “Celebrity Edge”, deixou o piloto a bordo e regressou a “pé coxinho”… Uma hélice foi-se… (ver foto).
De imediato com ajuda do da grua, foi varada em São Lázaro.
Entretanto, a uma dezena de metros continua varada a lancha de pilotos “Ilhéu do Lido” que, segundo os portos, está a ser recuperada de acordo com a disponibilidade dos trabalhadores,  quando não há navios, Não é para se fazer mas para se ir fazendo, como se costuma dizer. Tudo em nome daquele chavão, “poupar custos”. Por este andar o Estepilha ainda vai contratar a canoa do “Meia-noite”…
É uma história verídica de uma figura dos anos 50 da zona velha da cidade, que tinha uma canoa no calhau de São Tiago. Saía de casa à meia noite para pescar e só regressava à meia-noite, varava a canoa à meia noite, chegava a casa à meia-noite… acabou alcunhado “Meia-Noite”.
Fora de brincadeiras, o Porto vai acabar por recorrer a uma mini embarcação de nome “Ancoreta”, porque da canoa do “Meia-noite”, há muitos anos foi dada baixa aos serviços de Capitania…