Alunos do “Liceu” saem à rua para manifestação pública de solidariedade pela paz na Ucrânia

Quatro turmas de 11.º e 12.º anos de escolaridade da Escola Secundária Jaime Moniz, acompanhadas pelos seus professores, marcharam hoje pelas ruas do Funchal numa Ação Pública de Solidariedade pela Paz na Ucrânia. Zita Carvalho representou o Conselho Executivo do “Liceu” nesta manifestação cívica e o presidente da Câmara Municipal do Funchal, Pedro Calado, associou-se igualmente à iniciativa, congratulando-se com a participação ativa dos jovens estudantes e professores.
Fotos CMF-André Ferreira.
A iniciativa nasceu de forma espontânea na turma 11.º 3 e contou com a rápida adesão de um grupo de alunos e docentes dos cursos científico-humanísticos (turmas 11.º 3 e 11.º 2) e Cursos de Educação e Formação (CEF 62 e 61). Os estudantes, com as cores da Ucrânia,  em articulação com a Câmara Municipal do Funchal e a Polícia de Segurança Pública, concentraram-se à porta do “Liceu” e depois caminharam até à Praça do Colégio, onde entregaram os seus donativos à Ajuda Humanitária à Ucrânia, um projeto articulado entre a CMF e o Grupo Sousa (Logislink). Uma viatura da CMF recebeu os donativos e transportou-os até à Logislink, na Cancela. É de referir que alguns encarregados de educação dos estudantes também se envolveram nesta manifestação cívica, marcando presença no Largo do Colégio.
Fotos CMF-André Ferreira.
Fotos CMF-André Ferreira.
De forma organizada, os jovens quiseram mostrar publicamente que não se identificam com uma cultura de indiferença perante as grandes causas da humanidade, evidenciando a sua participação cívica, num contexto europeu de guerra. Aliás, a consciência cívica, o pensamento crítico e reflexivo e a defesa dos valores intemporais da humanidade fazem parte do perfil dos estudantes à saída do ensino secundário. Também é de referir que a iniciativa se enquadra nos projetos de Cidadania e Desenvolvimento que os alunos estão a desenvolver este ano, que englobam temas como a solidariedade, o voluntariado, entre outros.
Foto André Ferreira, Câmara do Funchal.
No Largo do Colégio, viveram-se momentos marcantes, com os irmãos Leonor -aluna da ESJM -e Guilherme Vieira a interpretarem canções de apelo à unidade, ao amor e à paz. Recorde-se que estes jovens têm sido premiados internacionalmente nas suas atuações artísticas.
O presidente da CMF, Pedro Calado, marcou também presença no evento, aplaudindo a intervenção cívica dos alunos e professores do “Liceu”, bem como o talento dos jovens cantores que contribuíram decisivamente para abrilhantar esta ação de rua de defesa da paz. Pedro Calado frisou que os jovens estudantes deram um testemunho de participação cívica que deveria também ser seguido por muitos adultos. Num momento em que se diz que os jovens estão alheados das grandes causas, Pedro Calado aplaudiu a demonstração de dinamismo e de espírito crítico dos estudantes do “Liceu”.
Fotos CMF-André Ferreira.
Recorde-se que, a CMF garantiu, desde a primeira hora, apoio logístico a este evento, quer na recolha dos donativos, quer na criação de condições para a atuação musical dos jovens Leonor e Guilherme Vieira, através da Deltasom Multimedia. Também a PSP/M manifestou o seu apoio, acompanhando, com dois agentes, esta marcha de solidariedade.
Fotos CMF-André Ferreira.
Os donativos dos jovens e famílias para a Ucrânia.
Fotos CMF-André Ferreira.