Novo prémio para Tolentino Mendonça elogiado por José Manuel Rodrigues

O cardeal e poeta madeirense José Tolentino Mendonça ganhou mais um prémio e o presidente da Assembleia Legislativa da Madeira não perdeu tempo a congratular-se com mais esta atribuição. Desta feita, trata-se do Prémio Universidade de Coimbra. O cardeal tem acumulado distinções em cima de distinções.

No final do debate mensal com o Governo Regional, no parlamento madeirense, José Manuel Rodrigues chamou a atenção dos deputados e dos governantes para esta distinção, afirmando que “devemo-nos congratular pelos nossos melhores estarem a ser reconhecidos”.

O Prémio da Universidade de Coimbra será entregue na próxima segunda-feira, na sessão comemorativa do 731.º aniversário da universidade.

José Tolentino Mendonça foi investido cardeal em Outubro de 2019 e é reconhecido como um dos teólogos e poetas mais influentes da atualidade, em Portugal.

A 23 de Dezembro de 2019 recebeu a Medalha de Mérito da Região Autónoma da Madeira, no parlamento madeirense, “com a humilde e consciência de que tantos outros nossos concidadãos provavelmente a mereciam”, como referiu na altura.

Nascido em Dezembro de 1965, em Machico, ao longo da sua carreira de escritor foi distinguido com vários prémios, entre eles o Prémio Pen Club de Ensaio (2005), o italiano Res Magnae, para obras ensaísticas (2015), o Grande Prémio de Poesia Teixeira de Pascoaes APE (2016), o Grande Prémio APE de Crónica (2016), o Prémio Capri-San Michele (2017) e o Prémio Europeu Helena Vaz da Silva (2020).