Vítor Vinha é o novo treinador adjunto do Nacional

Foto faceboob Vitor Vinha.

Vitor Vinha vai integrar a equipa técnica do CD Nacional, iniciando hoje funções no clube.

O jovem técnico, de 34 anos, iniciou a época na equipa de sub 19 da Académica, clube onde se estreou como treinador.
Como jogador representou clubes como Aves, Beira-Mar, Famalicão e Académica, onde encerrou a carreira em 2016/17.
De saída estão Carlos Simões e Joaquim Rodrigues, que acordaram com o clube a rescisão dos respetivos contratos por motivos de ordem pessoal.
O que é ser Treinador adjunto?
Para mim é ser aquele que tenta ver tudo e tenta ter a melhor opinião possível. Quando se veste verdadeiramente a camisola trata-se de uma forma de estar em prol de um objectivo maior, vencer por ti e pelos outros. Personalidade para concordar/discordar e argumentar. Tratam-se de muitas horas sem dormir. Tentar ver o que os outros não vêem é extremamente difícil. Influenciar positivamente é um desafio ainda maior. É ter um formigueiro constante no cérebro. É ter um bom/mau estar constante no corpo. É viver intensamente sabendo que o teu caminho pode ou não ser seguido e ao mesmo tempo aceitar e seguir em frente.
Analisar,reflectir,operacionalizar,voltar a analisar,reflectir,melhorar,vencer.
Experiência incrível que fez e faz com que acredite ainda mais em mim e nas minhas ideias.
Paixão.Futebol.Futebol bonito.
O futuro será de sucesso…