Milho cozido

Não há prato mais madeirense que o milho cozido! Novos e mais velhos quase todos gostam de o comer quente (papas) ou frito.  Muitas pessoas de mais idade ficam com brilho nos olhos ao recordar comer papas de milho cozido misturado com leite, ao pequeno-almoço

Tradicionalmente é usado para acompanhar pratos de carne e peixe, mas também liga muito bem com pratos vegetarianos.

Pode ser feito com farinha de milho branco ou farinha de milho amarela.

A farinha de milho branca é rica em hidratos de carbono, possui uma grande concentração de ácido linoleico e vitamina B6, e não possui glúten.
A farinha de milho amarelo para além de possuir as características da farinha de milho branco é rica em carotenoides (a zeaxantina a luteína, e ainda a β-cripto xantina) com propriedades antioxidantes.

Em Itália há também um prato semelhante, a polenta. No Brasil faz-se angú, preparado com fubá, que é a farinha de milho mais fina.

Pode ser feito com couve cortada (ou picada) e há também quem goste de juntar favas.

Como preparar:

  • Numa panela grande coloque 5 colheres de sopa de azeite, 2 dentes de alho (opcional) e 2,5litros de água. Junte 500g de farinha de milho e mexa até ferver.
  • Se quiser adicione couve picada, ou favas e continue a cozinhar em lume brando, cerca de 15 minutos, sem nunca parar de mexer.
  • Coloque em tigelas e está pronto a comer.
  • Se preferir pode usar um tabuleiro retangular baixo, deixar arrefecer, cortar aos quadrados e passar à frigideira.