PSD defende “reconhecimento material” aos funcionários da CMF na véspera do Dia da Cidade

O PSD veio defender a necessidade de uma compensação e reconhecimento material aos funcionários da Câmara Municipal do Funchal. Amanhã, recorde-se, é o dia da cidade do Funchal e os vereadores social-democratas no Município aproveitam para sublinhar que as medidas acima prescritas seriam uma das formas mais positivas de assinalar a data.

A proposta que foi entregue ao Executivo, “embora não discutida por inexistência de reuniões de vereação em Agosto”, e surgiu na sequência do voto de louvor a todos os funcionários municipais também proposto pelo PSD, ao qual se seguiu, por proposta do Executivo e contando com os votos favoráveis desta vereação, a atribuição da Medalha de Mérito Municipal – Grau de Ouro.

É fundamental,  defendem os vereadores do PSD “que o Executivo passe das intenções à prática e que concretize, dentro do que for possível e atendendo ao Orçamento Municipal anual, medidas concretas que beneficiem directamente estes funcionários”. O orçamento anual da autarquia, neste ano de 2020 e contando com uma verba de aproximadamente 118 milhões de euros, permite enquadrar medidas prioritárias de actuação e a realização de intervenções em prol destes funcionários, entende o PSD.

Entre outros benefícios directos defendidos pela vereação social-democrata, estaria a autorização gratuita para estacionamento nos parques automóveis e parquímetros tutelados pelo Município por um período a determinar (pelo menos 1 mês) e, também, um desconto mensal – a quantificar na factura mensal da água – até final de 2020.

Já do ponto de vista do lazer e partindo do princípio que, em 2019, foram adquiridas 80 mil entradas nos complexos balneares da Frente MarFunchal (a um custo estimado de 300 mil euros) para distribuição a toda a população, o PSD também defende que os funcionários desta Câmara e respectivas famílias deveriam ser contemplados com este benefício.