Nacional termina época com Carlos Pereira “atravessado”: “Um vintém é um vintém e um cretino é um cretino”, escreve o diretor de comunicação

O Nacional já deu por encerrada a temporada 2019/2020, num contexto em que a II Liga foi concluída quando faltavam dez jornadas e as subidas atribuídas ao clube madeirense, que liderava a classificação por altura da interrupção devido à Covid-19, o mesmo acontecendo ao Farense, segundo classificado.
“É tempo de fechar a temporada para a equipa sénior de futebol do CD Nacional.
Os treinos individualizados já terminaram na semana passada. Agora e até final desta semana, será altura de encerrar a época com as habituais reuniões com os atletas”, anuncia o clube.
Esta nota surge um dia depois da notícia, a que fizemos referência, de que o presidente do Marítimo impugnou o fecho da II Liga, através de uma ação no Tribunal Arbitral do Desporto, podendo colocar em causa o processo de subida do Nacional, uma posição que tem vindo a ser criticada fortemente nas redes sociais, e não só pelos adeptos do Nacional, também pelos aficionados do Marítimo, embora oficialmente não se conheçam reações, nem do presidente do Marítimo nem do presidente do Nacional.
Mas embora sem reações oficiais, não passou despercebida a reação, a título pessoal, do diretor de comunicação do clube alvi-negro, Saturnino Sousa, emitida na sua página pessoal do Facebook: “Um vintém é um vintém e um cretino é um cretino, esteja ele pintado de verde, azul ou vermelho”…Mais cedo ou mais tarde,  a máscara acaba por cair e a baixeza de caráter fica à vista de todos”.