Jacto particular que passou hoje pelo Aeroporto da Madeira foi para o Senegal

O jacto particular que aterrou hoje para reabastecimento no Aeroporto da Madeira, vindo do Norte de Espanha, por volta da hora de almoço, seguiu rumo ao Senegal. A informação de que este jacto tinha chegado ao Funchal foi adiantada pelo DN-Madeira, sendo apontada como uma curiosidade e um dos poucos movimentos aéreos no Aeroporto da ilha neste tempo de Estado de Emergência com apenas sete voos regulares por semana, dos quais apenas dois de transporte de passageiros.

Entretanto, o FN apurou que o jacto se dirigia para o Senegal, tendo o voo de regresso já saído de Dakar e viajado em direcção a norte. Aterrou em Fuerteventura, Canárias, por volta das 19 horas, depois de ter saído do Senegal por volta das 17 horas.