Os Judas de hoje (2): Sumo Pontífice fala nos “exploradores escondidos”, pessoas socialmente impecáveis…

Imagens da celebração litúrgica de hoje, no Vaticano, pelo Papa Francisco, na capela da Casa de Santa Marta, em Roma. In Vatican News.

Também na sua homilia de hoje, no Vaticano, em vésperas da celebração da Paixão de Cristo, o Papa Francisco faz longa reflexão sobre o drama de Judas, do tempo de Jesus e do nosso tempo, com o propósito de advertir aquilo que chama de “os exploradores escondidos”, que “fazem a finta de servir a Deus e ao dinheiro”.

Segundo o Santo Papa, Deus deu ao dinheiro “um senhorio” e continua a pedir uma escolha à humanidade. Não se pode servir a Deus e a o dinheiro. Ou serves a Deus e serás livre na adoração e no serviço ou serves o dinheiro e serás escravo.

Mas a realidade atual demonstra que o homem gosta de driblar a Palavra de Deus. Di-lo claramente o Papa: “Não se pode servir aos dois senhores, o dinheiro e a Deus. Mas muita gente quer servir a Deus e ao dinheiro. No final, fazem a finta de servir a Deus e ao dinheiro. São os exploradores escondidos. São pessoas socialmente impecáveis mas fazem o comércio debaixo do pano, exploram o próximo.”

 

https://www.facebook.com/vaticannews.pt/videos/2466131513701233/