JPP ironiza com Lopes da Fonseca e Rui Barreto por causa da UBER e dos táxis

O JPP considerou “absolutamente comovente o momento “só nós dois é que sabemos” hoje protagonizado pelo deputado do CDS Lopes da Fonseca e o convertido secretário regional da Economia, Rui Barreto, que navega agora com dom natural em coligação com o PSD”.

O irónico comunicado emitido por este partido diz que o deputado Lopes da Fonseca colocou “a incómoda questão sobre a entrada da UBER na Madeira e o descontentamento dos taxistas, e Barreto, brutalmente encostado à parede (leia-se com ironia), teve a oportunidade de anunciar adaptações à lei nacional sobre transporte em veículos descaracterizados como a UBER, ou seja, uma espécie de legislação depois da porta ter sido arrombada”.

“Mas, mais curioso ainda”, comenta o JPP, “foi o secretário Barreto ter garantido que vai ajudar os industriais de táxi com a criação de uma plataforma que dê a estes profissionais as mesmas armas. Muito bonito, não fosse a circunstância de já existir uma plataforma criada por madeirenses, à qual já aderiram muitos taxistas. Dá pelo nome de TAXIIN Madeira, e tem já resultados comprovados de que é mais barata do que a UBER”.

“É caso para dizer que o secretário Barreto aprendeu rápido a governar à moda do PSD, e o seu partido, à semelhança do amigo da coligação, tem sempre um deputado preparado para fazer a pergunta certa no momento certo. Pena que as soluções apresentadas já tenham solução. Mas, pronto, não se pode pedir tudo”, conclui a sarcástica nota de imprensa.