PSD diz que Madeira tem a maior taxa de cobertura de habitação social

A Candidatura do PSD às Eleições Regionais de 22 de setembro sustentou hoje que a Madeira tem a maior taxa de cobertura de habitação social do país.

Numa iniciativa realizada no Bairro da Nazaré, Pedro Calado afirmou que, segundo o INE, em 2015, a taxa de cobertura de habitação social na Região foi de 4,2%, o dobro do que a nível nacional (2%) e do que a dos Açores (2,3%).

O candidato sublinhou que, com a Autonomia e com os Governos do PSD na Madeira, foram construídas cerca de 6.000 habitações sociais, existindo, neste momento mais 4.400 famílias e mais de 17 mil pessoas que beneficiam de habitação social, de uma forma integrada.

Pedro Calado salientou que, desde 2015, o Governo regional já investiu mais de 58 milhões na reabilitação, construção e em vários programas de habitação.

Só no Bairro da Nazaré, onde existem 1.400 habitações, já foram reabilitados cerca de 50% dos empreendimentos habitacionais.

Um trabalho que terá continuidade nos próximos quatro anos até à reabilitação integral do parque habitacional, com destaque para a reabilitação dos Bairros de Santo Amaro e das Romeiras, Figueirinhas, no Caniço, Casais D´Além e moradias do Jardim da Serra, da Achada e das Balseiras.

Isto a par da construção de novas habitações. Segundo Pedro Calado, só neste ano foram construídas 58 novas unidades, estando previstas mais 36 no Bairro de São Gonçalo, além de outras que estão perspetivadas.

Nos próximos quatro anos, o PSD pretende também implementar um novo programa de apoio à aquisição e arrendamento de habitação que irá complementar a oferta da habitação social e responder às necessidades dos jovens casais e das famílias que não conseguem aceder ao mercado privado, sem a ajuda do Governo Regional.