PTP acusa RTP-M de “discriminação” ao “excluir” o partido do debate dos que têm assento parlamentar

PTP Raquel Coelho 22 de agosto

O PTP-Madeira emitiu há pouco um comunicado onde manifesta o seu “protesto pelo tratamento jornalístico discriminatório à candidatura do PTP às Eleições da Assembleia Regional da Madeira, nos debates televisivos da RTP-Madeira”.

Diz o partido que “como é do conhecimento público as eleições para a Assembleia Legislativa da Madeira está a ser disputada por 17 partidos. Por essa razão a RTP Madeira, decidiu realizar 3 debates televisivos para dar cobertura aos vários partidos concorrentes. Os debates irão se realizar no dia 12, 17 e 19 de setembro.

Para os debates do dia 12 e 17 de setembro, foram designados os partidos sem representação parlamentar. Reservando o debate do dia 19 de setembro (o mais próximo das eleições) para os que já têm assento na Assembleia (PSD, PS, CDS, JPP, CDU e BE) à exceção do PTP. Ou seja, estão a realizar um debate exclusivo para os partidos com assento na Assembleia e excluem cirurgicamente o PTP, que tem representação parlamentar no Parlamento Regional desde 2011.

Portanto, não só a RTP-Madeira está a violar o dever de garantir igualdade entre as várias candidaturas ao não realizar um sorteio, para escolher os intervenientes em cada debate, como está a transgredir os próprios critérios injustos que estabeleceu para prejudicar deliberadamente a candidatura do PTP”.