Diretor do Rali quer manter o rumo “perto da emoção, longe do perigo”

poster rali“Fique perto da emoção, mas sempre, sempre longe do perigo”. Este é o alerta que o diretor do Rali Vinho Madeira, Pedro Araújo, faz quando aborda a edição de 2019 da prova, que se disputa a 1, 2 e 3 de agosto. São 60 anos de prova.

Recorda que “é uma prova com pergaminhos no panorama dos ralis europeus, com grande apetência para receber, como é apanágio de uma região turística por natureza, todos quantos nos querem visitar e disputar uma das provas mais prestigiadas de entre os ralis que se disputam na Europa dos ralis e, para isso, fomos re-buscar algumas Provas Especiais de Classificação que fizeram parte da História do Rali, tal como Serra de Água/Rosário a fazer a ligação Sul/Norte, ou a icónica Boaventura, na costa Norte da Ilha da Madeira”.

“Queremos manter o rumo traçado há muitos anos por todos quantos têm ajudado a manter bem alto o nome da Madeira e da qualidade do Rally Vinho Madeira, e para isso contamos com a colaboração de todos quantos vão para a estrada aplaudir os seus ídolos, pedindo a máxima atenção na sua segurança, acrescentando assim segurança aos pilotos em prova”.