Obras na escarpa da “Pestana Júnior” vão provocar alterações de trânsito, dia 31 de maio e em três sábados de junho

CMF- Interrupção dias 31 de maio e 1 de junho_page-0001 (1)
Interrupção entre 31 de maio e 1 de junho.
CMF interrupção 8j e 15 Pestana Junior
Interrupção 8 e 15 de junho.

A Câmara Municipal do Funchal  deu conta que “os trabalhos que estão a decorrer na escarpa sobranceira à Rua Dr. Pestana Júnior, localizada entre o antigo edifício de aprovisionamento da CMF e a curva no início da Rua Visconde Cacongo, irão desenvolver-se para a curva da Rua Visconde Cacongo, pelo que por motivos de segurança, serão realizadas alterações rodoviárias temporárias, na próxima sexta-feira e nos próximos 3 sábados”.

As alterações rodoviárias irão dar-se entre o nó de inversão de marcha da Rua Dr. Pestana Júnior para a Rua da Ribeira de João Gomes (a sul da estação de lavagem de carros) e o entroncamento da Rua Visconde Cacongo com a Rua da Rochinha, nos seguintes moldes:

  • No dia 31.05.2019 (sexta) entre as 09h30 e as 20h00 e no dia 01.06.2019 (sábado) entre as 09h30 e as 18h00, fica interrompida a circulação automóvel no troço suprarreferido, com exceção dos transportes públicos e acesso local;
  • Nos dias 08.06.2019 e 15.06.2019 (sábado) fica interrompida a circulação automóvel no troço suprarreferido, entre as 09h00 e as 18h00, com exceção ao acesso local.

Durante estas intervenções, está garantido o acesso às residências e estabelecimentos a partir do entroncamento da Rua Visconde Cacongo com a Rua da Rochinha, sendo permitido circular até cerca de 50 metros da intervenção. O restante tráfego que circule na Rua Visconde Cacongo, sentido este-oeste, será encaminhado para a Rua da Rochinha.

As viaturas que circulam na Rua Dr. Pestana Júnior podem prosseguir para a Rua da Ribeira de João Gomes ou inverter a marcha.

Nos dias 31.05 e 01.06, os transportes públicos podem circular no percurso afetado, sob a coordenação da Polícia de Segurança Pública.

Nos dias 08.06 e 15.06, os transportes públicos deverão circular pelo Caminho do Palheiro e Rua Conde Carvalhal.

Relativamente à intervenção, esta será realizada por profissionais que são especializados na realização de trabalhos de limpeza, correção e escavação em taludes e escarpas junto a arruamentos, de forma a prevenir a queda de inertes de forma descontrolada. Todavia, torna-se necessário proceder a estas alterações rodoviárias por motivos de segurança, tanto para os trabalhadores como para os condutores que utilizam os arruamentos afetados.

A Câmara Municipal do Funchal solicita a todos a melhor compreensão e habitual colaboração no cumprimento da sinalização temporária existente no local e o cumprimento das indicações da Polícia de Segurança Pública, que coordenará as alterações rodoviárias no local.