PCP critica “negligência e abandono” do espaço marítimo no Porto Novo

O PCP Madeira esteve hoje no Porto Novo, em Santa Cruz, para alertar para os problemas naquela zona, nomeadamente o “abandono e negligência do espaço marítimo que a compõe, mas também ao nível do próprio Vale do Porto Novo, alvo de laborações de pedreiras e britadeiras que, mesmo licenciadas, são lesivas para a paisagem e  para o ambiente”, No final da acção política a deputada da CDU, Sílvia Vasconcelos, sublinhou que a praia do Porto Novo “detém uma frente mar com potencialidades que não podem ser descuradas sob o ponto de vista sócio-económico, nem tão pouco pode ser negligenciada a sua preservação natural, e o seu estado actual acusa “desleixo” e “esquecimento” políticos. Este, é mesmo um espaço flagrante do abandono e negligência da orla marítima a que está votado muito do litoral e orla costeira da Região, não passando, hoje, esta praia, de um vazadouro, quando dispõe de um potencial enorme, capaz de revitalizar este espaço, a exemplo, como área de lazer e balnear ao serviço das populações. Poderia muito bem constituir um estímulo sócio-económico para a dinamização social e económica, através da atractividade de visitantes e de turistas e até criação de emprego”, afirmou.

O PCP defendeu a preservação ambiental e a implementação de medidas para a intervenção, reabilitação e recuperação da praia e do Vale do Porto Novo, com aproveitamento das suas características naturais para promoção de actividades lúdicas e de carácter ambiental.