Multiplicam-se os ataques violentos no Ceará [vídeo]

¡AF!