CDS recorda hoje Adelino Amaro da Costa com missa na Sé do Funchal

O líder do CDS-PP Madeira, Rui Barreto, evocou hoje a memória de Adelino Amaro da Costa, figura cimeira do CDS que faleceu tragicamente do acidente de aviação de Camarate, a 4 de Dezembro de 1980. Adelino Amaro da Costas era à data ministro da Defesa e com ele seguia no mesmo avião o então primeiro-ministro Francisco Sá Carneiro.

“Adelino Amaro da Costa, já em vida, era um farol de esperança não apenas para o CDS mas para Portugal, dada a sua dimensão política e a forma como defendia os valores da democracia, da liberdade e em especial da democracia-cristã”, refere o CDS.

Hoje, dia 4 de Dezembro, pelas 18 horas, na Sé do Funchal, será celebrada missa em seu sufrágio.