Incidente de larga escala no mar mobilizou socorro na baía do Funchal

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

Fotos Rui Marote

Decorreu, esta manhã, na baía do Funchal, um exercício em larga escala para incidentes no mar (MRO), com o objetivo de testar a capacidade de intervenção de todas as forças de socorro, envolvendo operações de resgate e tendo como cenário o Lobo Marinho, que simulou o navio sinistrado.

O navio que habitualmente faz a rota Funchal-Porto Santo, saíu para o largo por volta das 8.30 horas, sendo que à saída foi detetado incêndio a bordo, ficando fora de controlo e obrigando o comandante a dar ordem de evacuação. Após sinalização e receção do alarme, o capitão do porto do Funchal e diretor do MRSC Funchal ativaram todos os meios de salvamento possíveis dos agentes de Proteção Civil disponíveis, sendo o interface mar/terra montado na nova marina do porto do Funchal. Após o início da chegada dos sobreviventes, equipas médicas realizaram a respetiva triagem para encaminhamento hospitalar. Houve, também, acompanhamento da operação por parte do helicóptero da Força Aérea.