Alargamento e pavimentação da vereda da Seara Velha de Baixo em Câmara de Lobos

 

O presidente da Câmara Municipal de Câmara de Lobos, Pedro Coelho, inaugurou hoje as obras de alargamento e pavimentação da vereda da Seara Velha de Baixo, dotando a localidade de nova acessibilidade automóvel, com uma extensão de cerca de 100 metros, que veio melhorar a qualidade de vida de cerca de 20 famílias, num investimento que ascendeu aos 170 mil euros.

 Os trabalhos de alargamento da vereda da Seara Velha de Baixo, freguesia do Curral das Freiras, acessibilidade de ligação ao um núcleo habitacional que se desenvolve ao longo do trajecto daquela vereda, foram iniciados no passado final do ano transato, encontrando-se já concluídos, refere uma nota da CMCL.

O edil Pedro Coelho, acompanhado do presidente da junta de freguesia do Curral das Freiras, Manuel Salustino, e da vereação municipal, garantiu que o actual mandato autárquico será igualmente marcado por uma política de forte investimento público em todas as freguesias do concelho, com especial atenção à prossecução de obras de proximidade, que melhorem efectivamente a qualidade de vida das pessoas nas suas próprias localidades.

Coelho referiu que, sem descurar o rigor orçamental e seletividade na despesa com retorno efectivo para as populações, o executivo municipal tem feito um grande esforço para concretizar o seu ambicioso plano de investimentos e garantir um elevado ritmo de investimento público municipal.

A este propósito, o edil câmara-lobense mencionou algumas obras actualmente em curso na freguesia do Curral das Freiras, com destaque para o asfaltamento da Estrada da Capela, com início no centro da freguesia e términos à antiga escola da Seara Velha, sendo o único acesso viário aos sítios localizados na parte sul da freguesia e cujo pavimento se apresentava há já algum tempo em mau estado. Este investimento está a ser executado pela Câmara Municipal e é financiado pelo Governo Regional da Madeira, através da Lei de Meios. Os trabalhos de repavimentação e de beneficiação da Estrada da Capela tem a duração de 4 meses e rondam um investimento na ordem dos 400 mil euros.

Sobre a nova acessibilidade viária inaugurada na Seara Velha de Baixo, refira-se que a empreitada implicou um investimento na ordem dos 170 mil euros, tendo sido integralmente suportados pelo orçamento municipal. As obras executadas implicaram o alargamento do exíguo trajecto original da vereda, numa extensão total de 100 metros, cujo perfil dificultava a circulação de pessoas e de bens, em especial de alguns moradores com mobilidade reduzida, melhorando assim a sua mobilidade e a prestação de serviços de assistência social e médica.