Teatro recebe dois “trepadores de escadas” para melhor acessibilidade a pessoas com mobilidade reduzida

trepador de escadas
Dois “trepadores de escadas” chegaram para o Teatro Municipal Baltazar Dias.

O Teatro Municipal Baltazar Dias recebeu dois “trepadores de escadas”, equipamentos que segundo uma nota emitiva pela organização daquele espaço, “permitem suprimir as barreiras físicas existentes no Teatro, tornando o espaço mais acessível a pessoas com mobilidade reduzida. Os dois trepadores vêm facilitar o acesso, de forma confortável e segura, a outros locais da mais emblemática casa de espetáculos do Funchal, como o palco, os camarins, a sala de espelhos e o salão nobre, onde são também desenvolvidas diversas actividades culturais (conferências, exposições, lançamentos de livros, espetáculos, workshops, entre outros)”.

Estes equipamentos chegam “no âmbito da aprovação da candidatura da Câmara Municipal do Funchal à Linha de Apoio do Turismo Acessível do instituto de Turismo de Portugal”, sendo que em função deste melhoramento ao nível da prestação de serviços, “foi realizada uma formação com os colaboradores do Teatro, sobre o manuseamento dos trepadores, tendo sido também efetuados diversos exercícios de transporte em todos os locais onde os equipamentos serão utlizados”

A mesma nota sublinha que “o Teatro Municipal pretende assim continuar o trabalho de democratização no acesso à cultura, quebrando as barreiras físicas que ainda existiam no edifício, permitindo um acesso cultural a todos”, recordando que, desde 2015, “passaram a ser disponibilizados quatro lugares na plateia para pessoas com mobilidade reduzida, e desde 2017, são disponibilizados 12 lugares para pessoas com deficiência visual e acompanhante em espetáculos musicais”.