Idosos isolados com comunicação direta à Polícia

psp1
O protocolo é assinado no Comando Regional da PSP.

Os idosos que vivem em isolamento social, na Madeira, vão passar a ter um serviço de teleassistência, com ligação direta à Polícia de Segurança Pública, no âmbito do projeto “Sistema contactos de idosos para as Forças de Segurança”, aprovado em sede de participação pública do Orçamento Participativo Portugal 2017 para a Região Autónoma da Madeira.

Esse serviço será oficializado por um protocolo a ser celebrado amanhã, terça-feira, 17 de abril, pelas 11 horas, no salão nobre do Comando Regional, envolvendo a PSP, o Instituto de Segurança Social da Madeira, IP-RAM, a Câmara Municipal do Funchal e a Fundação Portugal Telecom.

Esta assinatura contará com a presença da secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna, Maria Isabel Solnado Porto Oneto e secretária de Estado para a Modernização Administrativa, Graça Fonseca.
O Projeto “Sistema contactos de idosos para as Forças de Segurança” visa, segundo dá conta uma nota da PSP, “proporcionar aos cidadãos, com mais de 65 anos de idade e que vivam em condições de isolamento social, um serviço de comunicação direta (teleassistência) com a Polícia de Segurança Pública quando, por qualquer, motivo se sintam inseguros, contribuindo assim para a melhoria da sua qualidade de vida e para aumentar o seu sentimento de segurança”.