PSD contra taxa da Câmara do Funchal ao setor hoteleiro

Rubina Leal 05-04-2018
Rubina Leal critica taxa que a Câmara do Funchal pretende aplicar sobre a hotelaria.

Rubina Leal, vereadora do PSD na Câmara do Funchal, veio hoje a público expressar a discordância relativamente à taxa que a autarquia pretende adotar sobre o setor hoteleiro, referindo que o PSD não aceita que uma Câmara que aprovou o Orçamento e que anunciou investimentos na requalificação Matadouro e da Estação de Combóio do Monte, venha agora dizer que essas obras serão feitas com a receita da taxa a aplicar ao setor hoteleiro”.

A vereadora diz que qualquer taxa que seja aplicada “deve obedecer a uma negociação com os parceiros”, sendo que, neste caso, “houve uma decisão e depois os contactos”. Rubina Leal estranha que “uma Câmara que não devolve o IRS aos cidadãos, que mantém a derrama, que tem a maior receita de IMI e IMT dos últimos anos, venha agora arrecadar mais 5 milhões para investimento. Defendemos investimento, mas em favor da população e sobretudo a devolução dos impostos aos cidadãos”.