Catamaran pediu assistência e foi rebocado

Catamaran ROCIO
O catamaran “Rocio” que pediu assistência.

Duas embarcações salva-vidas, da Capitania do Porto e do SANAS, foram hoje em socorro do catamaran “Rocio”, de bandeira espanhola, que se encontrava a milha e meia a sudeste do porto do Funchal, com cinco tripulantes a bordo, e que devido ao facto de estar sem capacidade de propulsão mecânica, pediu assistência. O alerta foi recebido pelas 10.25 h.

Devido às condições meteorológicas, foi necessário recorrer a reboque, sendo que a operação decorreu bem e a chegada deu-se pelas 12.30 horas. Os tripulantes estavam bem e não necessitaram de assistência médica.