Projeto que defende lesados do Banif e do BES/GES aprovado na Assembleia da República

rubinaberardo.jpg
Rubina Berardo considerou que o sistema bancário português tem falhado, maioritariamente, na Madeira.

O projeto de resolução referente aos lesados do BANIF e aos emigrantes lesados do BES/GES, apresentado pelos deputados do PSD/Madeira foi aprovado hoje na Assembleia da República. Rubina Berardo considerou que “o sistema bancário português tem falhado, maioritariamente na Madeira, nos Açores e com as comunidades portugueses emigradas em França, na África do Sul e na Venezuela”.

Neste sentido, referiu, “os deputados do PSD/M vão manter a atividade fiscalizadora sobre o Governo da República, convictos que os textos hoje aprovados pressionam o Estado a agir nesta matéria.”

A deputada social-democrata congratulou-se com a orientação dos votos do PSD, do CDS, do PS e do BE, que aprovaram a proposta apresentada pelos deputados madeirenses em São Bento.

“As quatro resoluções – PSD, CDS, PS, BE – foram aprovadas, demonstrando, assim, uma vontade expressa do Parlamento para que o Governo da República diligencie ações concretas de forma a resolver a problemática dos lesados não qualificados excluídos da lei de fundos de recuperação de crédito.”

Falando sobre a importância da criação de Comissões Arbitrais, uma das propostas aprovadas, Rubina Berardo defende que através deste mecanismo é possível estudar a aplicação da lei de fundos de recuperação de crédito a estes Lesados de forma célere e com equidade.

A