Judo madeirense celebrou o 33º aniversário da Associação

De acordo com um comunicado da Associação de Judo da Madeira, realizou-se no passado sábado, dia 9 de Dezembro, o Torneio comemorativo do 33º aniversário da referida agremiação. A prova, realizada no ginásio da Escola Básica 123/PE Bartolomeu Perestrelo, registou a participação de atletas do Clube Naval do Funchal, Judo Clube da Madeira, Grupo Desportivo da Apel, Clube Judo Brava, Clube Escola da Torre, Associação Cultural e Desportiva da Quinta Grande e Juventude Atlântico Clube, englobando todos os escalões etários e perfazendo um total de 110 atletas.

O torneio começou com os Benjamins, prova para atletas até aos dez anos de idade, enchendo os tatamis com a sua alegria e vivacidade, demonstrando as suas habilidades.

Seguiram-se os Infantis, Iniciados e Juvenis, onde o Clube Naval do Funchal foi o vencedor, chegando ao lugar mais alto do pódio em sete categorias de peso. Já no escalão de Cadetes, o Judo Clube da Madeira foi o grande dominador, vencendo em seis categorias de peso. Nos escalões de Juniores e Seniores, novamente o Clube Naval do Funchal conseguiu suplantar os demais concorrentes.

Durante o decorrer do torneio, a Associação de Judo da Madeira, promoveu o Juramento pela Ética, uma iniciativa da responsabilidade do IPDJ – Instituto Português do Desporto e Juventude, I.P. através do PNED da qual a Direcção Regional de Juventude e Desporto é parceiro institucional.
Este compromisso juntou árbitros, atletas, treinadores, dirigentes e outros intervenientes da modalidade.

Foram ainda distinguidos pela Associação de Judo da Madeira, como “sócios honorários”, Paula Saldanha, Manuel Saldanha e Francisco Rodrigues.

“Nesta prova, também estiveram envolvidos na organização, os alunos do 2º ano do Curso de Técnico de Apoio à Gestão Desportiva, contribuindo com uma preciosa ajuda. Foi mais um momento de aprendizagem e troca de experiências muito enriquecedoras para estes alunos”, diz o comunicado da AJRAM.