Plano de revitalização urbana de Câmara de Lobos já em vigor apresentado a 17 novembro

A Câmara Municipal de Câmara de Lobos, em parceria com o IDE e o Santander Totta, promovem no próximo dia 17 de novembro, entre as 16:00 e as 18:00, no Museu de Imprensa-Madeira, Câmara de Lobos, uma sessão pública para apresentação do PARU –Plano de Ação para a revitalização Urbana de Câmara de Lobos.

Na sessão serão prestados esclarecimentos sobre o IFRRU 2020 –Instrumento Financeiro para a Reabilitação e revitalização Urbana.

A ação de informação dirige-se a todos os investidores, proprietários de imóveis e profissionais das áreas da engenharia civil, arquitetura, construção civil, imobiliário e gestão de projetos, de toda a RAM.

O IFRRU destina-se a apoiar projetos de reabilitação urbana, reabilitação integral de edifícios, unidades industriais abandonadas e reabilitação de frações privadas em edifícios de habitação social que sejam alvo de reabilitação integral, desde que integradas em zonas classificadas municipalmente com PARU’s – Plano de Ação para a revitalização Urbana e ARU – Áreas de Reabilitação Urbana, em todo o território nacional, podendo os imóveis objeto de reabilitação ser destinados a usos de habitação, arrendamento ou venda, e para qualquer atividade económica.

O PARU de Câmara de Lobos, já em vigor, e aprovado pela Assembleia Municipal no passado mês de abril, através do qual foi fixada a zona de reabilitação de todo o centro histórico, cuja área delimitada) abrange o núcleo central e mais antigo da cidade de Câmara de Lobos que se caracteriza por ser um centro de serviços e comércio, intercalado com a história da sua povoação, bem evidente no centro histórico e na baía, sendo delimitada pelos seguintes pontos:
A sul, pelo passeio marítimo de Câmara de Lobos, Ilhéu e Caminho da Trincheira;
A norte, pela Rua Dr. João Abel de Freitas;
A este, o Bairro Espírito Santo e Calçada;
A oeste, pela Avenida Nova Cidade e Caminho do Vigário.

Ainda no contexto do PARU de Câmara de Lobos foi aprovado pela Câmara Municipal um conjunto de incentivos e benefícios fiscais, de âmbito Municipal, tendo em vista o incentivo ao investimento em projetos de reabilitação urbana.