CDU entende que é preciso “castigar” os responsáveis pela má qualidade das águas balneares

A CDU veio alertar, em comunicado dirigido aos órgãos de comunicação social, que o Funchal tem a obrigação de ter qualidade nas águas balneares.

“Problemas na qualidade das águas do mar fizeram cair a Bandeira Azul no Lido e no Gorgulho. É uma vergonha para a cidade do Funchal e para a Região Autónoma da Madeira”, consideram os comunistas.

Para estes, a Câmara Municipal do Funchal e o Governo Regional não são capazes, nem competentes para defender a qualidade ambiental e a excelência das águas do mar.

“O facto de existirem descargas de esgotos para o mar, os repetidos derrames de águas residuais, cada uma das fontes de contaminação do mar, para além do problema de saúde pública, atentam contra os direitos ambientais das populações e contra a economia regional”, criticam.

O dirigente Edgar Silva dirigiu-se a propósito, às entidades competentes, declarando que “ao Governo Regional exigimos acção para que a Região tenha um mar limpo. À Câmara Municipal do Funchal exigimos acção, para que a cidade tenha qualidade nas águas balneares”.

Para a CDU, a gravidade da contaminação do mar não pode ficar impune. “Nas próximas eleições é preciso castigar, através do voto, os responsáveis por esta situação, sejam os do PSD no Governo, sejam os da Câmara de Paulo Cafôfo”.