Transformar o POTRAM em PROTRAM vai custar 150 mil euros

O Plano para o Ordenamento do Território da Região Autónoma da Madeira (POTRAM) vai ser revisto para dar lugar ao Programa Regional de Ordenamento do Território da Região Autónoma da Madeira (PROTRAM).

Segundo uma portaria conjunta de Rui Gonçalves e Susana Prada, a elaboração da revisão do POTRAM, definindo o novo PROTRAM vai custar 150 mil euros +IVA e os encargos orçamentais estão assim escalonados: €82.500,00 em 2017 e €67.500,00 em 2018.

A verba necessária para o ano económico de 2018 será inscrita na respetiva proposta de orçamento da Região Autónoma da Madeira para esse ano.