Mónaco campeão de França com equipa técnica madeirense

Leonardo
Leonardo Jardim com uma época de ouro. Campeão em França e treinador do ano.

O Mónaco sagrou-se hoje campeão de França de futebol, com o madeirense Leonardo Jardim na liderança da equipa técnica, composta ainda por outros dois elementos nascidos na Madeira, António Vieira e Nelson Caldeira, que se completa com outro português, José Barros e ainda André Amitrano e Carlos Spignoli.

Monacoas-monaco-as-st-etienne-estogardo-9881_34 Foto AS Monaco
Hoje, contra o St. Etienne, foi o jogo do título com uma vitória por 1-0. Foto AS Monaco

Hoje, no jogo do título, o Mónaco ganhou o St. Etienne, por 2-0, com um golo de Mbappe, aos 19 minutos e outro de Germain (90+3), numa altura em que falta ainda uma jornada e os monegascos estão em primeiro com 92 pontos e o PSG, equipa que normalmente tem a hegemonia do futebol francês, é segundo com 86, o que lhe permite no máximo somar mais 3 pontos.

O onze do título

Vieira
Vieira, 54 anos, faz parte da equipa técnica de Leonardo. É natural de Machico.

Na próxima jornada, para cumprir calendário, o Mónaco desloca-se ao campo do Rennes e o PSG recebe o Caen, equipa que luta para não descer.

Para este jogo decisivo com o St. Etienne, Leonardo Jardim convocou 20 jogadores, entre eles o português Bernardo Silva, que juntamente com o brasileiro Falcão e com a jovem certeza do futebol francês, de apenas 18 anos de idade, foram as estrelas da equipa. João Moutinho fez parte do onze do título.

Nelson
Nelson Caldeira, natural de Santo António, 44 anos de idade, inclui a equipa técnica do campeão francês. Foto AS Monaco

A equipa que jogou de início hoje foi composta por Subasic, Sidib, Glik, Jemerson, Mendy, Bernardo Silva, Fabinho, Moutinho, Falcão e Mbappe.

O Mónaco, a uma jornada do fim, 29 vitórias, 5 empates e 3 derrotas, 104 golos marcados e 29 sofritos.

Leonardo nasceu na Venezuela mas veio com 3 anos

José LEONARDO Nunes Alves Sousa JARDIM nasceu a 1 de agosto de 1974, em Barcelona, Venezuela, filho de emigrantes madeirenses, mas veio para a Madeira com 3 anos de idade e, podemos assim dizer, é bem madeirense. Iniciou a sua carreira como treinador principal em 2001, aos 27 anos de idade, na Associação Desportiva da Camacha, cargo que desempenhou durante cinco temporadas.

Depois da Camacha, representou o Chaves, Beira Mar, Braga, Olympiacos, Sporting e Mónaco, sendo este o ponto alto da sua carreira com a conquista do título francês e o prémio de melhor treinador do ano em França.