Calheta celebra Dia Diocesano do Acólito


Nesta terça feira, dia 25 de abril, vai decorrer o Dia Diocesano do Acólito. Este encontro, que se realizará  na paróquia do Atouguia, na Calheta, contará com a presença de mais de 400 crianças, jovens e adultos acólitos provenientes das paróquias da Diocese do Funchal.

As atividades começam às 9.30h com o acolhimento seguindo-se um momento de formação com vários animadores com o tema de fundo “A Alegria de Servir”. O encerramento do encontro será às 16.h com a Eucaristia presidida pelo Cónego José Fiel de Sousa, Vigário Geral da Diocese em representação do Bispo Diocesano
A realçar qu a exemplo do ano passado, aquele evento terá a presença da equipa do Serviço Nacional dos Acólitos.
Também neste dia será lançado o site oficial do SDA (www.sdaf.pt) que será um elo de ligação e formação entre o Serviço Diocesano de Acólitos e as paróquias promovendo a divulgação do que é o acólito, a sua missão e as atividades diocesanas.
A palavra acólito vem do verbo acolitar, que significa acompanhar no caminho. O acólito é aquele ou aquela que, na celebração da liturgia, precede, vai ao lado ou segue outras pessoas, para as servir e ajudar. O acólito acompanha e serve o presidente da celebração da missa, que tanto pode ser o bispo como o presbítero; em segundo lugar acompanha e serve o diácono, o ministro extraordinário da comunhão, ou outras pessoas que precisam de ser ajudadas durante a celebração.
O Dia Diocesano do Acólito realiza-se sempre a 25 de abril, dia em que se celebra a festa litúrgica de São Marcos, Evangelista.
Decorre em diversas paróquias e tem sempre elevada participação.