Catálogo de exposição sobre o quotidiano na época do açúcar será apresentado amanhã em Machico

A Câmara Municipal de Machico, através do núcleo museológico do Solar do Ribeirinho, promove no próximo dia 28 de Março pelas 18 horas naquele local a apresentação do catálogo da Exposição “O Quotidiano da Época do Açúcar no Território da Antiga Capitania de Machico”. A mostra está patente no referido núcleo desde 20 de Janeiro, e permanecerá até 20 de Abril de 2017.

Esta publicação, refere uma nota de imprensa, vem valorizar a exposição, na medida em que surge como um complemento fundamental da mesma. Reúne um conjunto de textos da autoria de vários investigadores que versam a relevância do território da antiga Capitania de Machico, em termos de influências sociais, culturais, económicas, arquitectónicas, religiosas e artísticas.

Os artigos que compõem o catálogo são: Obras de arte e produtos de luxo importados pela Madeira na época da riqueza açucareira de João Lizardo; azulejos e cerâmicos hispano-árabes na Madeira a partir de investigações arqueológicas de Lígia Gonçalves; algumas obras notáveis da antiga Capitania de Machico (séculos XVI-XVIII) de Rita Rodrigues; a pintura na Igreja Matriz de Machico, de Isabel Santa Clara e Rita Rodrigues e a Igreja Matriz de Machico de Emanuel Gaspar. O catálogo apresenta pela primeira vez uma exploração educativa da exposição intitulada ‘À Descoberta do Quotidiano na Época do Açúcar no Território da Antiga Capitania de Machico’, de Isabel Gouveia.

Este lançamento ocorre no Dia Nacional dos Centros Históricos, ou seja, amanhã, 28 de Março, efeméride celebrada pela ANMCH – Associação Nacional dos Municípios com Centro Histórico, da qual o Município de Machico é associado.