“Não contem comigo para o vale tudo”, avisa o candidato do PSD-M por Santa Cruz na noite de apresentação

Roquelino A
Roquelino Ornelas prometeu um estilo diferente sem acusações ao passado e à margem da política do vale tudo.

O primeiro contacto oficial de Roquelino Ornelas, o candidato do PSD à Câmara de Santa Cruz, com apoiantes, aconteceu esta noite e Miguel Albuquerque, o líder do partido na Região, lembrou o currículo de serviço público do candidato em favor do concelho.

No lançamento da candidatura “laranja”, Albuquerque considerou que o concelho, que é o segundo da Madeira em termos de população, estagnou ao fim de três anos e meio de promessas. Vamos apoiar este candidato porque as pessoas merecem uma pessoa que trabalhe em prol do desenvolvimento e concretize alguma coisa de útil para os cidadãos”.

O líder do PSD-M lembra que, “numa democracia adulta, como a nossa, onde todos têm direito à opinião, há um papel determinante na oposição e esta deve apontar caminhos. Durante três anos e meio apontámos alternativas e na campanha vamos olhar para o muito que foi prometido e o muito que não foi concretizado, denunciando essas falhas de compromisso e apontar novos caminhos para Santa Cruz”.

Albuquerque prometeu aos santacruzenses “um programa exequível para quatro anos” e garantiu ao candidato social democrata “todo o apoio do PSD-M”.

Roquelino Ornelas, que é jornalista e durante a sua carreira pertenceu aos quadros da RDP e RTP Madeira, assumiu que irá enfrentar “desafios difíceis, mas possíveis de concretizar” e considerou que “a vida deste concelho não pode cingir-se a finais de mandato. Deve haver preocupação com o bem estar e qualidade de vida, de quem aqui vive e de quem nos visita, mas todos os dias”.

O  candidato do PSD-M deixou uma promessa à plateia de apoiantes: “Não vão ouvir de mim, uma única vez, aquilo que é hoje, e infelizmente, uma prática comum, de autêntico terrorismo político e verbal sobre quem esteve antes de mim nos destinos da Câmara. Não contem comigo para o vale tudo. Vamos ver como está a Câmara e avançar. E não vou deixar de ouvir as pessoas mesmo depois de ser eleito”.

Neste jantar de apresentação da candidatura de Roquelino Ornelas, também se registou a intervenção de Vânia de Jesus, em representação da concelhia, sublinhando que “vale a pena acreditar em causas e em projetos. E podem ter a certeza que o PSD, em Santa Cruz, vai estar concentrado no essencial. Santa Cruz precisa de mudanças, porque o executivo pouco ou nada fez”.