PS-M quer criação de acessibilidade para a população do sítio da Vargem, Câmara de Lobos

O líder do grupo parlamentar do PS no parlamento regional, Jaime Leandro, e autarcas do concelho, visitaram hoje o novo troço da via-rápida Câmara de Lobos – Estreito de Câmara de Lobos, de forma a analisar o decurso da obra e os acessos viários naquela comunidade. Nesse sentido, o PS-M solicitou ao Governo Regional a criação de uma acessibilidade para a comunidade que vive no sítio da Vargem, em Câmara de Lobos, de modo a que esta população não seja esquecida.

Amândio Silva, vereador do PS na Câmara Municipal de Câmara de Lobos, foi o porta-voz da iniciativa, e criticou, na oportunidade, o facto de o acesso viário ter sido cortado nessa infraestrutura, salientado que “o caminho que vai da Capela das Almas não tem qualquer acesso para a nova ligação da via-rápida – Câmara de Lobos – Estreito, consequentemente essa localidade não tem acesso quer a norte, quer a sul, transformando-se numa estrada em “T””.

Saliente-se que essa zona é, predominantemente, agrícola, portanto, se a acessibilidade não for criada, a comunidade será prejudicada. Todavia “estamos perante um acesso que é fácil de resolver, uma vez que está ao mesmo nível da via-rápida”, reiterou.

Note-se que esta situação já foi sinalizada à Câmara Municipal, sendo que o presidente da autarquia disse que iria diligenciar junto do Governo Regional para que essa acessibilidade fosse construída. Contudo, passado algum tempo, e tendo em conta as infra-estruturas colocadas, o acesso não está previsto, refere o PS.

No entender do vereador do PS, o Governo Regional deve criar a acessibilidade com o intuito de promover e dar novas ligações a esta comunidade. Por seu turno, lembrou ainda que aquando da construção da via-rápida até à Ribeira Brava o Governo Regional comprometeu-se com uma acessibilidade na zona da Caldeira, freguesia de Câmara de Lobos, o que até aos dias de hoje nunca se verificou. Ora, Amândio Silva teme agora que o mesmo ocorra em relação ao sítio da Vargem.