Nós, Cidadãos! lembra obras anunciadas que tardam no túnel da Encumeada

nos-cidadaos.jpg
O partido ‘Nós, Cidadãos!’ veio criticar em comunicado o Governo Regional da Madeira, liderado por Miguel Albuquerque, por alegadamente ser pródigo em promessas e anúncios públicos que depois, “ou são adiadas (por diversas razões) ou então não chegam a ser concretizadas ou materializadas por diversas e desconhecidas razões”.
Aquela força política recorda que em Abril de 2016, os órgãos de comunicação social regionais noticiaram que o Governo Regional iria avançar, no segundo semestre de 2016, com obras no Túnel da Encumeada – que liga a Ribeira Brava a São Vicente – obras essas que consistiriam numa “intervenção profunda e obrigatória”, que iria gerar constrangimentos no trânsito durante meses, mas que eram consideradas de extrema necessidade/importância pois a infraestrutura em questão apresentava “sinais vários de degradação”, problemas de segurança, “deficiências nos equipamentos” e o seu pavimento “irregularidades bastante acentuadas”.
Lembra o ‘Nós, Cidadãos!’ que também a imprensa apontava que o anterior governo regional do PSD-Madeira, de Alberto João Jardim, por várias vezes  adiou sempre uma “resolução conveniente para a situação” e chegou mesmo a ponderar o encerramento total do túnel em finais de 2014, situação que não se veio a verificar.
“Ora, o Nós, Cidadãos! – Madeira e Porto Santo regista, neste início de 2017 (com alguma
estranheza e muita preocupação), o não cumprimento e começo, na data indicada, das
obras de intervenção no túnel da Encumeada e cujos custos serão repartidos pelo
empreiteiro e pela Região, conforme noticiado na altura, e que são obrigatórias segundo a
avaliação feita por técnicos especializados”.
O partido acusa, pois, o PSD de “vender ilusões” com “objectivos eleitorais e numa retórica falaciosa”.