Finalistas em Marina D’Or destacam animação intensa e companheirismo

tomás
Finalistas madeirenses em Marina D’Or.

Centenas de outros finalistas, incluindo várias dezenas de madeirenses, estão em Marina D’Or, outro destino clássico da viagem de finalistas. Um complexo turístico, localizado na comunidade valenciana, preparado para proporcionar uma animação diversificada aos estudantes que procuram viver uma viagem memorável ao longo desta semana.

Tomás Ornelas é um dos estudantes madeirenses que vivem de forma entusiástica esta experiência, com a organização tradicional da Sporjovem. Ao FN, este estudante da Escola Secundária de Jaime Moniz conta que nos três dias que já lá estão, a tónica dominante é a animação intensa, ora com espetáculos musicais ora com passatempos, numa diversão permanente. Todo o complexo está construído no sentido de proporcionar aos estudantes as mais variadas atividades quer desportivas quer de entretenimento, dando provas de uma longa experiência na organização destes eventos.

tomás ornelas
Tomás Ornelas salienta a boa organização desta viagem.

O lado da socialização tem sido um aspeto salientado porque esta viagem proporciona o encontro entre centenas de estudantes de todo o país que assim firmam amizades.

“A animação, as pessoas e o ambiente de confraternização e de companheirismo têm sido para mim os aspetos mais marcantes”, afirma ao FN Tomás Ornelas que diz ter feito uma escolha acertada, juntamente com mais de meia centena de estudantes madeirenses.

Como já é do conhecimento público, os estudantes de uma mesma escola podem optar viajar pela comissão de finalistas ou então juntamente com outros grupos. Por exemplo, a maior parte dos estudantes da Jaime Moniz está neste momento em Punta Umbria, cerca de duas centenas, mas há outros também em Marina D’Or. O que importa é usufruir de uma experiência que se recorde com saudade.

tomás 2
Alojamentos à beira mar são um dos principais atrativos desta viagem.