Polícia escolhe feriado e casa cheia para multar às dezenas no Paul do Mar

paul principal
Os clientes do Maktub Pub, que enchiam o espaço, foram também multados.

Nesta sexta feira santa, muitos madeirenses procuraram os ares paradisíacos do Paul do Mar para viver um dia diferente e usufruir dos primeiros raios de sol de primavera. Os bares da zona agradecem a freguesia que hoje esteve ao rubro, particularmente o movimentado Maktub Pub.

Mais eis que volta a acontecer o impensável: os agentes da Polícia de Segurança Pública da Calheta cortam o clima morno do feriado, irrompem do nada e toca a puxar dos livrinhos para, zelosamente, deixarem o selo da multa em dezenas de carros irregularmente estacionados, perante a indignação dos condutores.

No Bar Maktub e noutros estabelecimentos vizinhos, o movimento era grande. Como é do conhecimento público e da própria PSP, as soluções de estacionamento nesta zona são bem escassas. Mas, ainda assim, a mão de ferro da autoridade impõe.se. Na única e exígua estrada, sem espaços suficientes para o parqueamento, sobretudo nos dias de maior movimento, eis que a PSP chega para distribuir “amêndoas” bem amargas aos condutores.

O sentimento de revolta adensa-se com o facto de os populares saberem que, não é a primeira vez que os agentes da autoridade aproveitam os dias de grande movimento na “marginal” para puxar da multa.

Os proprietários dos estabelecimentos comerciais lamentam a falta de bom senso e questionam: “Não gostam de ver os bares cheios a movimentar a economia? De que vive a Região, afinal? Que culpa temos se não criam soluções para o estacionamento?”

Os cidadãos sabem que a lei é para cumprir e que o estacionamento irregular está sujeito a multa. No entanto, sendo um feriado e, sobretudo, dada a inexistência de alternativas locais para o estacionamento automóvel na zona em questão, todos esperariam outra atitude por parte dos agentes, certamente com uma lista de trabalhos mais sérios por tratar do que serem os agentes da multa.