Colónia de 124 casais reprodutores garantem anualmente cerca de dois mil exemplares de perdiz vermelha

/LC/

Foto: madeira.gov
Foto: madeira.gov

Colónia de 124 casais reprodutores garantem anualmente cerca de dois mil exemplares de perdiz vermelha.

A Madeira está a produzir, em cativeiro, a perdiz vermelha, com o propósito de garantir a sua sustentabilidade cinegética.

Uma vez que no fim de cada temporada de caça o número de exemplares da espécie é significativamente reduzido, o Governo Regional tenta assegurar o aumento da densidade populacional através do trabalho do Centro Cinegético da Casa Velha, na freguesia de Santo António da Serra, onde existe uma colónia de 124 casais reprodutores, que garantem anualmente cerca de dois mil exemplares.

Uma realidade que o Governo Regional quis mostrar aos caçadores, tendo convidado as associações de caça para se inteirarem do trabalho desenvolvido no Centro Cinegético da Casa Velha.

Uma visita que contou com a presença da Secretária Regional do Ambiente e dos Recursos Naturais e do Diretor Regional de Florestas e Conservação da Natureza.

As espécies criadas em cativeiro serão colocadas, brevemente, nas serras de Santo António e de São Roque, para repovoamento da espécie.