Mamografias adiadas por falta de carregamento de pilhas da unidade móvel

mama
É numa carrinha deste género que são feitos os rastreios.

Com Rui Marote / Iniciou-se hoje as habituais mamografias de rastreio, efetuadas em carro móvel, às mulheres residentes na freguesia de São Pedro, previamente convocadas por carta pelos serviços de saúde.

Tendo as residentes de São Pedro se deslocado atè à Nazaré, às horas marcadas, foram, no entanto, informadas que os exames não se poderiam efetuar em virtude do sistema não estar a funcionar por falta de carregamento de baterias.
Os técnicos foram chamados ao local e transportaram a máquina até ao Hospital Dr. Nélio Mendonça para carregamento.
Na sequência deste contratempo, os exames foram adiados e quem devia estar ao serviço recebeu uma justificação para entregar às entidades patronais, ficando de voltar noutro dia, a ser agendado.
O sistema só voltou a funcionar a partir das 12h30, com muita cordialidade por parte das enfermeiras que pediram desculpas às utentes pelos incómodos causados.
Após São Pedro, São Martinho é a freguesia que se segue para este importante rastreio de prevenção do cancro da mama às mulheres a partir dos 45 anos de idade.