Shell remove terras contaminadas

praia_formosa1

Helena Mota (texto e fotos)

Máquinas escavadoras começaram na passada semana a remover parte dos solos contaminados dos terrenos da Shell, na zona da Praia Formosa.

Os aspetos técnicos e os custos associados ao processo estão a ser suportados pela entidade proprietária dos terrenos, a própria Shell, com supervisão da Direção Regional do Ambiente.

Os resíduos contaminados deverão sair da Região com destino a um vazadouro de resíduos perigosos, conforme noticiou a RTP-M, havendo da parte das entidades oficiais a garantia de que os terrenos agora em processo de descontaminação não constituem perigo para a população ou zonas circundantes.

praia_formosa2

Ao que parece, a limpeza da área será um requisito necessário à venda da propriedade onde Cristiano Ronaldo, em parceria com o Grupo Pestana, pretende construir um empreendimento hoteleiro.

Um derrame de crude, no final dos anos noventa, altura em que funcionavam os tanques de combustível da Shell na Praia Formosa, terá estado na origem da contaminação dos solos.

praia_formosa3 praia_formosa4