PS diz que PAN é “andarilho” do PSD e “traiu os madeirenses”

O PS veio já repudiar a solução governativa hoje anunciada, de um acordo com entre o PSD, CDS e PAN. Para os socialistas, Albuquerque não cumpriu a sua palavra de como se demitiria e não formaria governo se não tivesse maioria absoluta; quanto ao PAN, “traiu os madeirenses, dando a mão a um regime caduco, em fim de linha e sem soluções para a Madeira”.

“Este PSD passou da bengala (CDS) para o andarilho (PAN)”, disse Gonçalo Aguiar, secretário geral dos socialistas. Estes partidos acabarão por pagar a factura desta “deslealdade para com a vontade expressa pelos eleitores nas urnas”.

“Uma vez mais, Miguel Albuquerque mostrou que não tem palavra, à semelhança do que tem vindo a fazer ao longo dos últimos oito anos em que esteve à frente do Governo e não cumpriu com grande parte das promessas feitas aos madeirenses e porto-santenses”, afirmou o dirigente do PS.

PAN é, assim, para os socialistas, igual ao CDS, que já anteriormente “não se mostrou rogado em trair a confiança do eleitorado em troca de “um punhado de tachos”.