Dia Europeu da Alimentação e Cozinha Saudáveis assinalado hoje

Esta terça-feira, dia 8 de novembro, assinala-se o Dia Europeu da Alimentação e Cozinha Saudáveis. Subjacente à comemoração deste dia está a pretensão de encorajar à prática de uma alimentação saudável nas crianças, com vista a travar o crescimento da obesidade infantil na Europa, verificada ao longo das últimas décadas.

Neste dia, a Direção Regional da Saúde desafia a todos a educar para a saúde e alerta para a importância da Alimentação pouco saudável, a par da falta de Atividade Física, como base para a avassaladora epidemia do excesso de peso e obesidade, que constitui uma ameaça à saúde pública na Europa e em todo o Mundo.

Os jovens com excesso de peso tendem a mantê-lo na idade adulta e têm maior probabilidade de tornarem-se adultos obesos. Esta condição coloca-os em vulnerabilidade e aumenta significativamente o risco de sofrerem de doenças como a diabetes, problemas de fígado e cardíacos, hipertensão e acidentes vasculares cerebrais.

O paladar das crianças tem de ser educado logo desde o início. Para ajudar a criança a comer alimentos mais ricos a nível nutricional e mais saudáveis, é essencial adotar estratégias de educação do palato, que podem ser feitas através da oferta de frutos e legumes, mas também da redução de doces. É importante que o açúcar não faça parte da rotina alimentar da criança, e que quando ela sentir fome, sejam disponibilizados alimentos de elevado valor nutricional. Além disso, permita que ela coma num ambiente tranquilo e agradável, sem barulho ou confusão.

Assim, cada gesto é fundamental para que tenhamos uma vida com mais qualidade, tanto a nível físico como mental, e é na infância que se moldam os comportamentos mais facilmente. As crianças absorvem os ensinamentos e os bons e os maus exemplos, por isso relembramos princípios muito simples para que o testemunho seja passado aos mais novos, e assim conseguirmos reeducar a sociedade para que os hábitos de vida sejam mais saudáveis.

Dicas para o ajudar:

– Não ceda a todas as ofertas alimentares;

– Opte por um custo mais acessível;

– Ensine às crianças habilidades culinárias;

– Invista tempo na preparação e confeção de alimentos;

– Questione a informação sobre os alimentos;

– Seja critica em relação à publicidade;

Escolha alimentos saudáveis! Cozinhe de forma saudável! Eduque para uma alimentação Saudável. Assim todos seremos mais saudáveis no futuro!