Ensinar o Holocausto em Câmara de Lobos

Os cursos EFA da Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos da Torre e a Câmara Municipal de Câmara de Lobos, com o apoio da Memoshoá – Associação Memória e Ensino do Holocausto, dinamizam uma série de iniciativas paralelas à exposição “Para Lá das Aparências”, nos dias 14 e 15 de Outubro.

No próximo dia 14 de Outubro, na Casa da Cultura de Câmara de Lobos, o Ricardo Presumido, vice-presidente da Memoshoá – – Associação Memória e Ensino do Holocausto, dinamizará duas palestras sobre o Holocausto. Uma para alunos do 3.º Ciclo e do Ensino Secundário, às 15h00, e outra para formandos dos cursos EFA e outros públicos, às 19h30.  Depois de cada palestra será realizada uma visita guiada e comentada à exposição “Para Lá das Aparências”.

No dia 15 decorrerá, também na Casa da Cultura de Câmara de Lobos, decorrerá uma acção de formação para docentes de todos os grupos de recrutamento, com duração de 5h00.

Esta acção de formação sobre o Holocausto tem particular relevância pela sua dimensão de conhecimento de um dos maiores genocídios do século XX.

“Infelizmente assistimos de forma continuada a uma perturbação crescente de valores que tínhamos como seguros na civilização europeia, exigindo que se faça uma retrospectiva destes acontecimentos marcantes na história da humanidade e se retirem valiosas ilações para a consciencialização das gerações futuras. Assim, a formação de docentes, revela-se com uma importante ferramenta de conhecimento para uma aplicação multidisciplinar em contexto de sala de aula”, refere uma nota da autarquia camaralobense,

Os principais objectivos desta actividade formativa são, declaradamente, formar e sensibilizar os professores para o ensino e debate sobre o Holocausto; fornecer instrumentos práticos para os docentes poderem aplicar em contexto de sala de aula e promover meios de reflexão que permitam através do ensino do passado, reflectir sobre o presente.