PSD enaltece crescimento registado no setor das pescas

O Grupo Parlamentar do PSD promoveu, hoje, uma iniciativa na baía de Câmara de Lobos. Higino Teles enalteceu o crescimento registado no setor das pescas na Região, demonstrado “através dos resultados do primeiro semestre de 2022, em que se verifica que o valor médio do peixe-espada valorizou cerca de 40%”, conforme se pode concluir pela “faturação de 3,261 milhões de euros, em 2021, e de 4,494 milhões de euros, no período homólogo em 2022”.

O parlamentar saudou, também, os pescadores que têm sido exemplares e mostrado “grande empenho e profissionalismo”, o que fica claro perante “ os resultados de capturas até 31 de julho, que mostram que já se ultrapassaram as 1100 toneladas, sendo que a quota anual é de 2198 toneladas”.

Neste âmbito, o partido destacou o apoio contínuo do Governo Regional ao setor das pescas, nomeadamente ao da pesca do peixe-espada preto, com maior relevância para os pescadores de Câmara de Lobos, sendo exemplo os apoios concedidos na ordem dos 2 milhões de euros, “em 2020 e 2021 – período Covid”, dirigidos a “pescadores e armadores, isenções de taxas de Lota, taxas de conservação e de fornecimento de gelo e, ainda, apoio direto à frota espadeira”.

Segundo Higino Teles, apesar dos encargos terem aumentado, “o produto tem escoamento e merece ser valorizado”, missiva que o Executivo continua a aprofundar, inclusive, através da “elaboração dos estudos necessários a apresentar junto do Governo da República e da União Europeia de modo a fazer com que os apoios” e a renovação da frota pesqueira “sejam uma realidade num futuro próximo”, mesmo que, para isso, seja necessário “recurso ao Orçamento Regional”.