PAN denuncia «atentado ambiental no Complexo Balnear do Lido» [c/ vídeo]

Em comunicado, o PAN-Madeira questiona a Câmara Municipal do Funchal «sobre a Vaselina espalhada nas rochas junto ao Complexo Balnear do Lido».

Segundo relatos recolhidos pelo PAN-Madeira, «terá sido espalhada vaselina nas rochas contíguas para evitar uma ou outra “borla” nos acessos a este complexo balnear».

«O produto utilizado – a Vaselina – é gelatina de petróleo, rica em hidrocarbonetos, que está a escorrer para o oceano, o que apesar de ser insolúvel em água, não deixa de ser altamente poluente, pondo em risco a fauna marinha.», declara o PAN-Madeira.

«O PAN-Madeira, ao contrário do PSD /CDS considera que a entradas nos Complexos Balneares da RAM, localizados em domínio público marítimo deveriam ser gratuitos para os menores, pois não devemos proibir o acesso ao mar dos madeirenses e portosantenses.», tendo votado, na Assembleia Municipal do Funchal, «contra a redução da idade de isenção de pagamento e contra o aumento do preço dos bilhetes.»

Neste sentido, o PAN-Madeira questiona «se a Câmara Municipal do Funchal sabe ou é responsável por este tipo de comportamentos e se o mesmo se repete nos demais complexos balneares.»

«O PAN-Madeira, considera tal situação inaceitável e exige que seja removida a “gelatina gordurosa”, limpas as rochas e apuradas responsabilidades por tal ato.»