Isabel Costa destaca trabalho realizado na Universidade Sénior do Funchal

Fotos: Sónia Dória/CMF

No âmbito do encerramento do ano letivo 2021/2022, a Universidade Sénior do Funchal realizou um almoço/convívio para o encerramento das atividades letivas.

Isabel Costa, vereadora com o Pelouro Social e Educação, esteve presente e fez questão de agradecer o «empenho» e o «trabalho desenvolvido ao longo de todo o ano por todos os intervenientes neste projeto (alunos, colaboradores, professores)», ressalvando a importância da Universidade Sénior do Funchal «na inclusão e no bem-estar social da população mais idosa».

A vereadora referiu, igualmente, que «o próximo ano letivo (22/23)» já esta a ser planificado de forma «a corresponder aos anseios dos alunos».

Note-se que a Universidade Sénior do Funchal é a mais antiga da Região Autónoma da Madeira,  tendo sido constituída, em parceria, com a Universidade da Madeira.

O início deste projeto remonta a 16 de maio de 2007, na altura com o «Curso Livre de Iniciação em Estudos Sócio Culturais».  Desde então, este projeto tem-se mantido sem interrupção, sendo de destacar a introdução de novos conteúdos pedagógicos e atividades sugeridas pelos docentes e discentes, no intuito de proporcionar um espaço de valorização das pessoas seniores, incentivar o seu papel ativo na sociedade, criar um ponto de encontro para a cultura, aprendizagem e convívio, nomeadamente com as atividades culturais e educacionais, estimular a criatividade, promover a troca de conhecimentos entre gerações, contribuir para o enriquecimento pessoal e social dos idosos, entre outros objetivos.