CDU acusa Governo Regional de proteger grandes grupos económicos

A CDU realizou hoje uma “Tribuna Pública” na qual o coordenador Edgar Silva declarou que “os preços aumentam e o povo não aguenta”. Este foi o mote desta acção política no centro do Funchal.

Segundo Edgar Silva, “o aumento do custo de vida está a penalizar duramente milhares de pessoas na Região Autónoma da Madeira. Diariamente a carestia de vida atinge o povo desta Região fazendo agravar as desigualdades e as injustiças sociais. E os governantes apontam para medidas que ficam aquém do necessário. Em vez de se tomarem medidas de controlo e fixação de preços, em vez do combate à especulação, os governantes, na República e nesta Região, protegem os grandes grupos económicos e os seus lucros milionários”, acusou.

De acordo com este responsável partidário, “a questão fundamental para a vida de milhares de pessoas desta terra passa pelo exigir de políticas não-especulativas. Travar a especulação é condição determinante para que milhares de pessoas possam ter direito à vida ou a uma vida com o mínimo de condições dignas”.