CMF aprovou unidade de execução para potenciar zona do Amparo

A Câmara Municipal do Funchal aprovou ontem, em Reunião de Vereação, a proposta de Programa Urbanístico Base e Delimitação Final para a Unidade de Execução 03 (UE03) do Plano de Urbanização do Amparo, na freguesia de São Martinho.

O edil da CMF destacou: “Com a aprovação deste instrumento, vamos criar condições para a promoção de um investimento privado equilibrado, com o devido ordenamento urbano e ambiental, que será determinante para esta zona de crescimento da cidade, resolvendo o bloqueio ao investimento que ali vigorava. A Autarquia vai, igualmente, garantir a criação de uma mancha verde para ligação pedonal, em conjugação com as acessibilidades existentes, de forma a integrar e preservar a Levada dos Piornais.”

“Serão articulados os diversos espaços verdes públicos, nomeadamente a zona verde pública e o percurso verde junto à Levada dos Piornais com os atravessamentos pedonais, que, no seu conjunto, permitirão criar vários espaços de estadia e lazer ajardinados, interligados nos quarteirões criados, tais como pracetas, e potenciar uma rede de circulação pedonal que articule a área da UE03 com as áreas urbanas e com os equipamentos envolventes, numa óptica de prioridade ao peão.”

A autarquia vai, igualmente, “acautelar a valorização do património, sendo que a Capela do Amparo, edificada em 1712, será um elemento de charneira nesta solução. Esta será protegida e ficará dotada de uma amplitude que vai enobrecer a utilização deste património, integrada nas ligações pedonais propostas”, concluiu Miguel Gouveia.

A área da UE03 tem 37.912,90 m2 e encontra-se integrada na extremidade mais a oeste da zona urbana do Funchal, um território privilegiado para a expansão programada da cidade, na freguesia de São Martinho. A área de intervenção sobre a qual incide a unidade de execução define um quarteirão de grande dimensão, encaixado entre a Avenida Mário Soares, a Norte, o Caminho do Amparo, a Sul, a Levada dos Piornais, a Oeste, e o Caminho do Amparo, a Leste.

A articulação da UE03 com a sua envolvente é assegurada pelos eixos viários circundantes, a Avenida Mário Soares e o Caminho do Amparo, integrantes da rede de acessibilidades regionais e municipais existentes na zona. O Plano Director Municipal do Funchal, aprovado em 2018, identifica esta como uma das zonas de maior potencial para o desenvolvimento urbano da cidade.