Unidade externa de gelo do Caniçal já na fase de ensaios

A nova unidade externa de gelo da lota do Caniçal está em fase de ensaios e conclusão. O secretário regional de Mar e Pescas, Teófilo Cunha, foi inteira-se do andamento das obras e assistiu aos últimos preparativos da responsabilidade da equipa técnica norueguesa, que veio expressamente à Madeira montar o equipamento em conjunto com o consórcio FN Hotelaria-Etermar, refere uma nota governamental.

Pelas informações fornecidas ao secretário regional pelos responsáveis do consórcio, e se assim entender o Governo Regional, a nova unidade externa de gelo do Caniçal poderá entrar em funcionamento até ao fim do mês de Junho.

O investimento, no valor de 1,1 milhões de euros, é o segundo maior realizado no sector das pescas, nos últimos anos. Esta infraestrutura surge dois meses depois da inauguração da nova lota do Funchal que, recorde-se, representou uma importante aposta na ordem dos 5,5 milhões de euros.

A nova unidade externa de gelo, equipada com tecnologia de ponta, representa, na realidade, um aumento significativo na produção de gelo, respondendo desta forma às solicitações da frota pesqueira que, como se sabe, necessita de gelo não só para a safra em alto mar, como também para a conservação do pescado em terra, refere-se.

Até agora, e com o sistema actual, a produção de gelo para o fornecimento às embarcações de pesca, em particular à frota do atum, garantia uma produção diária de 8 toneladas e outras 15 de armazenamento. Com a nova unidade em funcionamento, a produção avança para as 20 toneladas por dia, aumentando para 60 toneladas a capacidade para armazenar, o que representa um acréscimo considerável na capacidade de abastecimento.