Parlamento acolhe exposição de “Os Grandes Azuis”

A partir de hoje, e até ao próximo dia 28 de maio, o átrio da Assembleia Legislativa da Madeira assume a forma de um jardim sensorial, “plantado” pela Associação para Pessoas com Autismo “Os Grandes Azuis”, que pretende, com esta mostra, dar o primeiro passo para a concretização de um sonho que vem sendo construído há já algum tempo: a construção de um jardim sensorial no bairro de Santo Amaro, em frente à sede da Associação.

Ana Luísa Caires, presidente d’Os Grandes Azuis, fala de “um projecto pioneiro na Região”, que visa proporcionar um maior bem-estar às pessoas com necessidades educativas especiais, mas também à população idosa, através de experiências afectivo-sensoriais.

Na sessão de abertura, realizada esta manhã, o Presidente do Parlamento madeirense fez questão de sublinhar a importância do trabalho desenvolvido pela equipa Os Grandes Azuis e notou que a Assembleia Legislativa da Madeira, sendo “a casa de todos os madeirenses e porto-santenses, é, em particular, a casa dos mais carenciados, dos mais vulneráveis da sociedade”.

A secretária regional de Inclusão Social e Cidadania, que marcou presença no evento em representação do presidente do Governo Regional, reconheceu o espírito de missão da Associação  em questão, valorizando “um trabalho altamente meritório direcionado para esta população mais vulnerável”.

Augusta Aguiar agradeceu à Associação Os Grandes Azuis “todo o trabalho desenvolvido ao longo dos anos” e notou que “projectos como este são fundamentais na promoção da autonomia e da integração social destas pessoas.”