SESARAM avisa para “rastreios auditivos” abusivos

O SESARAM diz ter tomado conhecimento de que estão a ser realizados contactos a utentes para rastreios auditivos, por entidades que, abusivamente, utilizam o nome do SESARAM ou do Serviço Regional.
Estes “rastreios” são estratégias comerciais de venda de aparelhos auditivos, tendo acoplado um contrato de financiamento ao consumo para aquisição dos mesmos, segundo relato de utentes que denunciaram esta situação, refere o Servoço de Saúde.
O SESARAM informa que não tem qualquer intervenção nestes rastreios auditivos, nem qualquer parceria quanto à disponibilização de contactos de utentes, e como tal, declina qualquer responsabilidade quanto a esta operação.